Atraso.

Aquela moça chegou, sentou-se em uma mesa próxima a minha.
Seu rosto estava sem cor, seus lábios trêmulos e algo sai de seu olhos,
parecia água. Uma água pura, limpa.
Secou as lágrimas, olhou ao redor, olhou o relógio.
Ele estava atrasado.

7 comentários:

Isadora Peres disse...

Porque é sempre assim? Que porra.

Sorte à moça, enfim!

Sii Thomazini disse...

Huum que mistério...

Bom de ler...
Bejoos

Natália Rocha disse...

É tão frustrante quando isso acontece...

Beijos*

Fernand's disse...

esse tempo do atraso é torturantemente delicioso...



rs
bjs meus

Dave disse...

O atraso que atrasa os sentidos...

Sandrio cândido. disse...

Estranho como em nossa sociedade estamos sempre sem tempo.
abraços

Renato disse...

Os homens sempre se atrasam. Ou não chegam, ainda que cheguem...
Vivam as mulheres, que estão sempre num patamar acima.