O escuro.

Olhos vendados, tudo era escuridão.
Mas ele podia sentir cada bala
entrando em seu corpo.

7 comentários:

. Nadine disse...

Eu posso sentir cada palavra sua entrando no meu corpo.

disse...

que tipo de bala??

Natália Rocha disse...

E quanta intensidade*

Beijos,um feliz fim de semana pra ti*

Babi disse...

nossa... parece um fato real o que vc escreveu...

muito intenso mesmo!

=*

Jéssica Trabuco disse...

Muito forte, adorei.

ps: obrigada pelo carinho viu? *-*

dear sarah disse...

deve ter doído

Fran Bitencourt. disse...

Passo e fico.
Gostei daqui.

Um beijo.