Menina.

Seu ar é puro e simples,
tem cheiro da bela flor, a cor da pele é da lua.
Conquista onde passa, onde fala, onde canta.
Ela é dona de si, de seu nariz.
Vai pra lá, vem pra cá.
Ela seduz sem querer, ela promete... e vai.

3 comentários:

Fernand's disse...

uma sedução de quem não quer nada, mas quer tudo...


=)

ƸӁƷBeautiful Butterfly WomanƸӁƷ disse...

Que bela declaração de amor...hehehe!!!quer e não quer...kkk!!!bjus doces!!

Laís Pâmela disse...

E nós escritores temos a mania de nos descrever tão bem né?
Esse nosso jogo de sedução, é demais.
Adorei.
Beijos.